Se você é daquelas pessoas que checam tudo durante uma viagem, desde malas, remédios, vistos, até assistência em saúde e todos os outros detalhes que vão deixar sua viagem mais segura, precisa saber responder à pergunta: “perdi meu passaporte, o que devo fazer?”. Caso ainda não saiba, descobrirá tudo agora!

A primeira coisa que você precisa ter em mente é que o passaporte é o documento mais importante durante o seu deslocamento. Tenha com ele o mesmo cuidado que você tem com seu dinheiro ou cartões. Essa atenção deve ser tomada mesmo no Brasil, principalmente se você está de viagem marcada.

A depender da sua localização, a perda do documento pode ser mais complicada do que se você estiver em solo nacional. Por isso, é importantíssimo saber o que fazer.

Perdi meu passaporte no Brasil

Em casa, tudo fica mais fácil, não é mesmo? Mas isso não significa que seja menos burocrático. Portanto, caso note a ausência do seu documento de viagem, seja por perda ou roubo, procure imediatamente a Polícia Civil para formalizar um boletim de ocorrência (BO).

É importante prestar queixa mesmo que o passaporte esteja vencido, pois, embora ele não embarque ninguém, muitos lugares ainda podem aceitá-lo como documento de identificação.

Portanto, com o BO em mãos, procure o posto da Polícia Federal (PF) mais próximo, munido da sua identidade (RG), e comunique o desaparecimento do passaporte.

Se você quiser facilitar o atendimento na PF, acesse o site oficial da instituição e preencha o documento chamado Comunicação de Ocorrência com Documento de Viagem. Você deve completar todos os campos. Quando não souber a resposta, deve colocar "não sei informar". Imprima e leve-o para a unidade da Federal.

Nesses casos, você vai ter que passar por todo o procedimento comum para a emissão de um novo documento e esperar o prazo de entrega, que costuma variar entre 6 (seis) e 10 (dez) dias úteis. A taxa atual para passaporte com validade de 10 anos é R$ 257,25.

Se você estiver com passagem marcada para antes desse prazo, certamente terá que remarcar, pois o passaporte de emergência não se enquadra nessa situação.

Perdi meu passaporte no exterior

Embora o transtorno seja maior, existem soluções para quem perde seu passaporte no exterior. O passo inicial é procurar uma delegacia de polícia na cidade em que você está para abrir um boletim de ocorrência.

Depois disso, acesse o site do Portal Consular, do Itamaraty, para preencher o formulário Perda, furto, extravio ou destruição de documento de viagem. Imprima-o e apresente-o, junto ao BO internacional e outros documentos pessoais, no consulado brasileiro mais próximo. Caso o local só tenha embaixada, procure-a.

Tanto no consulado como na embaixada, você dará entrada em um novo passaporte, porém, terá que pagar R$ 514,50 e esperar de 7 (sete) a 10 (dez) dias. Até lá, você não pode continuar sua viagem.

Se sua data de retorno ao Brasil for próxima, você pode simplesmente dar entrada em um documento chamado ‘Autorização de Retorno ao Brasil' (ARB). Ele fica pronto em 3 (três) dias úteis, e lhe dará direito a fazer uma viagem direta para o Brasil, sem escalas ou conexões em outros países.

Essas são as respostas práticas e objetivas para a questão "perdi meu passaporte: o que fazer?". As informações foram úteis? Siga-nos no Facebook para outras dicas imperdíveis sobre viagens!