Um assunto que gera muitas dúvidas nos consumidores é o seguro de cartão de crédito. Isso porque alguns o defendem como sendo essencial, outros dizem que ele é dispensável. E se formos falar sobre as coberturas oferecidas, a confusão fica ainda maior.

Como há tantas incertezas sobre esse tipo de seguro, então preparamos esse artigo para esclarecer as principais delas. Continue lendo e entenda de uma vez por todas o seguro de cartão de crédito e descubra se ele é, afinal, útil ou desnecessário.

O que é o seguro de cartão de crédito?

Assim como existe o seguro para carro, motos, residência, de vida, para pets e outros mais, há também o seguro de cartão de crédito. Assim como os outros, ele oferece a proteção que o consumidor precisa em caso de alguma urgência, como roubo ou acidente; mas também traz vantagens extras, como as reservas em salas Vip.

O valor do seguro varia segundo cada operadora, tipo de cliente (Platinum, Gold, Black, Infinite, etc.) e também a cobertura escolhida. Na cobertura básica o consumidor somente está protegido contra roubos e furtos, e as adicionais são incluídas conforme a necessidade ou desejo de cada pessoa.

O que o seguro cobre?

Como dissemos, a cobertura do seguro varia segundo os serviços que cada pessoa deseja contratar. Mas é preciso estar atento, porque nem todos eles oferecem vantagens reais.

No caso da cobertura básica, por exemplo, ela é desnecessária. Isso porque a proteção do consumidor em caso de roubo ou furto do cartão é prevista por lei, e sendo assim, o seguro somente com essa cobertura não traz vantagem nenhuma.

No entanto, outras coberturas, especialmente no que se refere às viagens, são muito interessantes para se contratar com o seguro de cartão de crédito. Mas é essencial observar os detalhes desse serviço, porque o seguro só é válido caso a compra do bilhete de viagem seja feita com o cartão de crédito.

Isso também varia para cada operadora, então, é necessário observar as regras daquela que você utiliza os serviços.

O seguro de cartão de crédito pode oferecer coberturas como:

  • despesas médicas e hospitalares;
  • assistência farmacêutica;
  • assistência odontológica;
  • envio de documentos;
  • extravio de documentos;
  • extravio de bagagem;
  • hospedagem;
  • direito à sala Vip em aeroportos;
  • indicação jurídica;
  • roubo de bens.

Ele realmente vale a pena?

Se você está pensando em contratar apenas o seguro básico, ele não vale a pena, mas se você pretende usufruir de outros serviços do seguro de cartão de crédito, ele pode ser uma boa alternativa.

Especialmente para viagens, o seguro é uma opção muito interessante, afinal, viajar com o cartão é uma forma muito prática e segura de pagar as contas. E se for preciso algum serviço especial em território estrangeiro, ou diferente da residência, o seguro oferecerá suporte.

Viagens internacionais são aquelas que mais demonstram como esse seguro pode ser útil. Isso porque fora do Brasil as coisas são diferentes, e para conseguir um bom atendimento, seja médico, odontológico, de emergência ou outro, é muito bem-vinda a indicação de um profissional de confiança.

Além disso, os gastos extras com possíveis problemas, como uma internação, podem impactar significativamente o orçamento, mas se o seguro cobrir essas despesas, então não haverá prejuízo.

Porém, é preciso estar atento, porque o valor disponibilizado para a cobertura do seguro do cartão de crédito é único. Assim, se esse valor for utilizado, a operadora não o disponibilizará outra vez, diferentemente do seguro viagem, que oferece coberturas mais amplas e por evento.

Antes de contratar um seguro de cartão de crédito, é importante consultar a sua operadora e pedir também o auxílio de um corretor de seguros. Ele vai avaliar as cláusulas contratuais e indicar se nesse caso é melhor o seguro do cartão ou um seguro viagem.

Assim, esse seguro traz vantagens, sim, mas somente para algumas situações, pois em outras ele pode ser desnecessário ou não oferecer a cobertura desejada. E em outras, ainda, o seguro viagem pode ser mais indicado. Por isso, sempre consulte um profissional para lhe aconselhar sobre a melhor escolha.

Você conhece alguém que já fez uso do seguro de cartão de crédito? Sabe se valeu a pena nesse caso? Conte para a gente nos comentários!