Os EUA são um dos poucos países que ainda exigem que o visto seja emitido ainda no Brasil e não no desembarque, como é na maioria da Europa, por exemplo. Por isso, se você pretende visitar a Terra do Tio Sam, é preciso consegui-lo!

Apesar de muita gente temer pelo processo, se você se organizar bem, não terá problemas em conseguir o visto para os EUA. O segredo é reunir todos os documentos necessários (inclusive passaporte válido), pagar a taxa e ser sincero na entrevista.

Veja um passo a passo:

Preencha o formulário DS-160

O primeiro passo é preencher o formulário DS-160, disponível na página do Centro Eletrônico de Aplicação Consular do Departamento do Estado Americano.

Você selecionará o seu país de origem para que o site direcione para o tradutor automático, pois todo o formulário é em inglês. Para visualizar o texto em português, basta fixar o mouse no parágrafo e aguardar pela versão.

Em seguida, clique em Start In Aplication para iniciar o preenchimento do formulário — que é bem extenso, por sinal. Na primeira página do DS-160, aparecerá o seu número ID, que acompanhará você pelo restante do processo. Anote-o.

Na página seguinte, uma série de informações pessoais serão pedidas. Fique atento à parte em que você definirá o tipo de visto para os EUA que deseja: se for de turismo ou negócios, é o B1/B2.

Outro detalhe que gera muitas dúvidas é o endereço solicitado durante o preenchimento do DS-160. Por exemplo, se o seu destino é a Disney e você ainda não tem onde ficar, coloque algo como "hotel em Orlando".

As demais perguntas do formulário são a respeito de segurança e informações complementares sobre seus parentes, formação, emprego, etc. No final, você precisa validar o documento com o número do seu passaporte e imprimir o código de barras. Ele será extremamente útil para os próximos passos.

Pague a taxa do visto para os EUA

Depois de preencher o DS-160, você acessará outro site. Nele, é possível gerar a taxa para a obtenção do visto. Atualmente (2017), o valor é de $ 160 e pode ser pago com cartão de crédito ou no boleto.

Apenas depois da compensação bancária (que pode levar até dois dias úteis) você poderá dar continuidade ao processo de tirar o visto para os EUA.

Agende CASV e Consulado

No Brasil, só existem cinco cidades que emitem o visto americano: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Porto Alegre e Recife. Leve em consideração o seu deslocamento antes de agendar suas visitas ao Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) e ao Consulado, pois ambos fazem apenas atendimentos presenciais.

Se você conseguir marcar os dois para o mesmo dia, ótimo! No entanto, isso nem sempre é possível. O primeiro atendimento é no CASV, onde acontece a coleta de impressões digitais e a foto. Não há nenhuma entrevista nessa etapa.

Já no Consulado é onde acontece a entrevista. Leve todos os documentos necessários e aqueles que comprovam a sua ligação com o Brasil. Seja objetivo, claro e verdadeiro nas respostas. Certamente você não terá problemas!

O visto é dado (ou não) ao término da entrevista e é preciso deixar seu passaporte para que ele seja anexado. A devolução é feita pelos Correios ou você pode pegar o documento pessoalmente no CASV, após o prazo de 6 a 10 dias.

Você já tem o visto para os EUA? Entre em contato com a gente e saiba tudo sobre viagens corporativas e de lazer!