Quando estamos programando nossas férias, temos disponibilidade para pesquisar por preços de passagens e hospedagens. Porém, quando viajar se torna uma rotina, é primordial desenvolver estratégias para reduzir custos e aproveitar melhor o tempo.

O primeiro passo para isso é aprender como lidar com companhias aéreas, já que elas são responsáveis pela maior fatia de gastos das viagens corporativas. Siga essas dicas e economize!

1. Saiba quais companhias aéreas escolher

Isso não é regra, mas companhias aéreas originárias do seu destino frequente tendem a cobrar mais barato pelas passagens. Por exemplo, se você tem negócios na Inglaterra, voar por uma empresa britânica vai ser mais barato do que por uma francesa ou americana.

Cadastre-se nos sites de todas as operadoras que fazem os voos do seu interesse (a boa e velha newsletter) e fique de olho nos e-mails promocionais.

Outros aliados na busca pelas melhores passagens aéreas são as agências de viagens. Elas possuem expertise no ramo, bem como parcerias, pacotes e especialistas que certamente saberão encontrar as melhores oportunidades em diferentes companhias aéreas para viagens em grupo ou individuais, tanto a lazer ou como a negócios.

2. Embarque nos aeroportos mais populares

Todos sabemos que tempo é dinheiro, mas, se for possível, faça voos entre as cidades mais populares. Isso vai aumentar a oferta de aeronaves e, consequentemente, baratear os bilhetes.

Se você tem uma reunião importante em Joinville, no estado de Santa Catarina, talvez fique mais barato ir até Florianópolis (capital) e, de lá, fazer o restante do roteiro de carro, em duas horas.

Na Europa, não tenha receio de utilizar as companhias low cost, low fare (baixo custo, baixa tarifa). Com exceção das inúmeras regras, principalmente relacionadas à pouca bagagem, elas são ótimas opções!

3. Torne-se filiado

Esse á uma das melhores formas de lidar com companhias aéreas. Se você é um passageiro constante de uma (ou algumas) empresa de aviação, não hesite em se tornar fiel aos seus serviços.

Com um tempo, você poderá receber algumas vantagens, como assentos mais espaçosos, prioridade no embarque, sala VIP e até receber um upgrade de classe (já pensou?). Isso tudo faz parte de ações de marketing corriqueiras que visam premiar os viajantes leais. Quem sabe você não é o sortudo da vez!

4. Compre no cartão de crédito

Uma das dicas mais valiosas para quem utiliza bastante o cartão de crédito é escolher aqueles que dão milhas a cada dólar gasto. Faça um levantamento das compras empresariais e concentre tudo em um cartão. Por fim, utilize a pontuação acumulada para trocar por trechos de avião ou hospedagens nos destinos (existem ótimas redes de hotéis que fazem a permuta de diárias por milhas).

5. Determine os dias da compra e das viagens

No universo corporativo sempre aparecem viagens emergenciais, mas é certo que muitos deslocamentos podem ser previstos com uma certa antecedência. Fechar uma agenda de visitas e reuniões que exigem deslocamentos pelo ar deve ser uma prioridade, uma vez que isso garantirá uma boa economia para o seu negócio.

Procure saber a agenda anual de todos os principais eventos do seu setor. Isso dará uma oportunidade de programar as partidas e garantir um desconto bacana. Além disso, é comum que os organizadores de feiras e congressos, por exemplo, fechem parcerias com companhias aéreas, hotéis e restaurantes. Não perca essa oportunidade.

No dia a dia, opte por embarques às quartas, sábados ou bem no meio de feriados prolongados, e compre os bilhetes às terças. Para prevenir, exclua os cookies e mude de navegador da internet, pois os sites “memorizam” suas pesquisas e podem aumentar o valor das passagens do seu interesse.

Colocando em prática algumas dessas dicas você vai aprender a lidar com companhias aéreas da melhor forma. Quer receber outras dicas para viajar mais e melhor? Curta a nossa página no Facebook!